Plantas
Columbia Tecnologia em petróleo: Mais de 20 anos de história
15/08/2016

Superbactéria para aumentar produtividade de poços de petróleo

Marcos-Pegoreti

A Columbia Tecnologia, empresa capixaba, iniciou, em parceria com a Universidade de Omã, no Oriente Médio, e o Instituto Federal do Espírito Santo (IFES), um projeto para desenvolvimento de uma superbactéria que pode aumentar a produtividade dos poços de petróleo, especialmente os que contam com óleo pesado.

O estudo é pioneiro no país e até mesmo no mundo, segundo o engenheiro de projetos da Columbia, Tiago Coutinho Vasconcelos. Outras empresas e universidades mundo afora estão tentando desenvolver tal tecnologia, ainda sem resultados satisfatórios até o momento. O engenheiro afirma que tais bactérias “quebram” o óleo, tornando-o mais leve e fácil de ser retirado do poço.

O governo federal e a Columbia investirão R$ 500 mil no projeto, que tem previsão de duração de dois anos. Estão envolvidos no projeto três doutores e dez estudantes. A expectativa dos envolvidos é que a superbactéria já esteja no mercado antes mesmo dos dois anos previstos de projeto.

Quando da conclusão do projeto, a Columbia será detentora da inovação e responsável pela comercialização e os envolvidos na pesquisa, participantes do Ifes e da Universidade de Omã, receberão os royalties, segundo o engenheiro Tiago Coutinho Vasconcelos.

“O desenvolvimento da superbactéria é mais um produto para ampliarmos o nosso escopo de atuação no mundo”, destacou o presidente da Columbia Tecnologia, Marcos Pegoretti (foto).

Fonte: petronoticias.com.br